Category Archives: costa amalfitana cool travel

COOL TRAVEL: Costa Amalfitana, uma beleza sem igual.

Quando pensamos em um paraíso de cidadezinhas bucólicas incrustadas em montanhas e  perfeitamente terminadas com o Mar Mediterrâneo.
Não podemos estar falando de outro lugar senão da Costa Amalfitana, na Itália.
Situada na Província de Salerno.
E classificada pela Unesco em 1997 como Patrimônio Mundial da Humanidade. Simplesmente linda, maravilhosamente romântica.
Uma beleza que assusta, pelas estradas sinuosas até o encontro de um mar azul perfeito.
São varias comunas que formam a Costa de Amalfi: Vietri sul Mare, Cetara, Tramonti, Maiori, Minori, Ravello, Scala, Atrani, Amalfi, Conca dei Marini, Furore, Praiano e Positano.
E dentro dessas Comunas, pequeninas cidades.
Tive o prazer de conhecer algumas delas, mas recomendo uma em especial.
A minha favorita se chama Positano.
Com um nome que lembra poesia e realmente não poderia ser diferente. A cidade inspira uma tranqüilidade e renova o amor.
Apenas, uma vontade de ver o mar,  tomar um vinhozinho tinto da casa. E ficar lá esquecido, curtindo uma paz deliciosa.

Fotografia: Daniela Burity



Advertisements

COOL TRAVEL: Costa Amalfitana, uma beleza sem igual.

Quando pensamos em um paraíso de cidadezinhas bucólicas incrustadas em montanhas e  perfeitamente terminadas com o Mar Mediterrâneo.
Não podemos estar falando de outro lugar senão da Costa Amalfitana, na Itália.
Situada na Província de Salerno.
E classificada pela Unesco em 1997 como Patrimônio Mundial da Humanidade. Simplesmente linda, maravilhosamente romântica.
Uma beleza que assusta, pelas estradas sinuosas até o encontro de um mar azul perfeito.
São varias comunas que formam a Costa de Amalfi: Vietri sul Mare, Cetara, Tramonti, Maiori, Minori, Ravello, Scala, Atrani, Amalfi, Conca dei Marini, Furore, Praiano e Positano.
E dentro dessas Comunas, pequeninas cidades.
Tive o prazer de conhecer algumas delas, mas recomendo uma em especial.
A minha favorita se chama Positano.
Com um nome que lembra poesia e realmente não poderia ser diferente. A cidade inspira uma tranqüilidade e renova o amor.
Apenas, uma vontade de ver o mar,  tomar um vinhozinho tinto da casa. E ficar lá esquecido, curtindo uma paz deliciosa.

Fotografia: Daniela Burity



Advertisements